AMÉRICAS CHILE ESTAÇÕES DE ESQUI

GUIA PARA ESQUIAR CHILE

Esquiar no Chile está longe de ser um programa barato, mas é muuuuito incrível e totalmente inesquecível, principalmente para nós brazucas, que estamos tão acostumados com esportes de verão.

O Chile é cortado pela Cordilheira dos Andes, o que o torna tradicional em esportes de inverno. Mas mesmo pra quem não quer esquiar, ter contato com a neve é algo mágico. Então, antes de falar da minha experiência, vou explicar o básico sobre como montar sua programação.

1)QUANDO TEM NEVE?

Quando se trata de neve, tudo é probabilidade, já que depende de condições climáticas. O ideal é acompanhar a previsão e… rezar!

Certo*: de julho a meados de setembro

Pode acontecer: final de maio, junho, e as vezes inicio de outubro.

Impossível: de novembro a abril.

*em 2014 as estações abriram em Maio e decepcionaram em julho, porque não nevava, e só voltou final de agosto e durou setembro inteiro!

2)ONDE ESQUIAR?

Tem outras estações de esqui no Chile bem mais distantes, mas ao redor de Santiago as quatro principais são essas:

Tubing em Farellones/Foto: viaje na viagem
  • Farellones: é a mais barata, muito frequentada pelos Santiaguinhos, menos sofisticada, mas talvez seja mais legal para crianças, e também para adultos que não tem interesse em esquiar, por que oferece outras atividades (como essa boia da foto acima – Tubing).
  • El Colorado: A estação fica próxima ao cume da montanha e as pistas, mesmo de iniciante, já tem bastante inclinação. Tem bem mais estrutura, com escolas de esqui e snowboard, cafés, restaurantes, aluguel de equipamento e lockers. (na minha opinião, a melhor para iniciantes)
  • La Parva: é uma estação mais exclusiva, no mesmo nível de preço do Valle Nevado, mas mais indicada pra quem deseja fugir da multidão. Atrai muitos esquiadores e snowboarders de nível mais avançado, justamente por não ter filas.
  • Valle Nevado: o mais badalado dos 4, bem mais caro, turístico e com MUITO brasileiro. De fato, tem uma estrutura superior, com vários restaurantes, muitas pistas e meios de elevação. Tem um teleférico fechado para não esquiadores.
esquiar no chile
Entrada de El Colorado

3)ONDE ALUGAR ROUPA?

Nem adianta, você pode vestir tudo que tiver, só o que resolve é a roupa específica para a neve. O normal é alugar e só vale a pena comprar se você for fazer disso um hábito.

Se estiver hospedado em Santiago, alugue as roupas antes de subir a montanha, pois é mais barato. Exitem diversas lojas especializadas, tem umas bem conhecidas, como a skitotal e a skiahorro.

O gasto médio é de R$150,00 para calça, casaco, óculos e luva e as roupas são sempre meio xexelentas. (atualização: aluguei umas roupas maravilhosas da última vez numa loja em Las Condes: The New Rental Club: Av. las Condes, 10199)

4)E EQUIPAMENTO?

Pode ser na loja da roupa, mas prefiro lá na estação mesmo.

O equipamento é pesado e complicado de carregar. Melhor alugar na porta da estação e devolver antes de ir embora. Cuide muito bem dele, é sua responsabilidade e se perder (ou for trocado por alguém) tem que pagar.

O preço do aluguel acompanha os da estação, encarecendo no Valle Nevado.

5)ONDE FICAR?

Depende de duas coisas: do nível do seu cofrinho e da quantidade de dias que você vai curtir a estação.

Se ficar hospedado na montanha, próximos às estações, saiba que os preços são bem elevados, mas vai evitar trânsito e curtir todo o horário de funcionamento das estações. A desvantagem é não ter o que fazer fora esquiar.

Se ficar hospedado em Santiago, vai dar um bate e volta de aproximadamente 1:20h (foi o meu caso), uma opção bem mais em conta. A estrada é estreita e tem muitas curvas, então é comum enjoar. A vantagem é poder alugar a roupa em Santiago (bem mais barato) e poder voltar para curtir restaurantes e baladas.

Existem diversas empresas que fazem o translado e a maioria está concentrada na mesma rua.

5)VOU GASTAR MUITO?

No mínimo uns 450 reais por dia. Se fosse esquiar em El Colorado, fazendo uma conta por alto: R$150,00 da roupa + R$100,00 do equipamento + R$ 50,00 do transporte + R$140,00 do ticket com aula = R$440,00 + alimentação. (no Valle Nevado uns R$700,00)

E quanto eu gastei?

METADE DISSO!

Porque pesquisei muito e também dei muita sorte. No fim da temporada as estações começam a promover descontos, e no dia que eu fui estava duas pessoas pelo preço de uma!

DICAS:

  • Procure ir no fim da temporada, assim será beneficiado pelos descontos, tanto nas estações quanto nas empresas de translado, mas sempre há o risco da neve acabar mais cedo.
  • Procure ir nos dias de semana, vai evitar trânsito e costuma ser mais barato.
  • Pesquise preços e tente negociar valores de transportes, principalmente se forem vários dias.
  • Se quiser economizar, ao invés de ser buscado no hotel, desloque-se de metrô até a agência, fiz isso e barateou bastante.
  • Se você nunca esquiou e não está rasgando dinheiro, escolha El Colorado primeiro. Depois analise as outras possibilidades.
Sites das estações: El ColoradoValle Nevado,La Parva e FarellonesFicou com alguma dúvida? Pode perguntar!!
LEIA TAMBÉM: Esquiando em El Colorado

Quando for reservar seu Hotel, não deixe de fazer aqui pelo Blog, ganhamos uma pequena comissão e você não paga nadinha a mais por isso. Ajuda aí, vai!

Clique aqui para encontrar seu hotel com o Booking

You Might Also Like

4 Comments

  • Reply
    Um dia no Valle Nevado - stheontheroad
    setembro 1, 2015 at 6:31 pm

    […] 1) Já expliquei nesse post aqui porque não acho uma boa esquiar no Valle numa primeira vez, mas pra quem já domina o esporte deve ser muito bom. Se tiver pensando em esquiar, leia tb: guia para as estações de ski […]

  • Reply
    Um dia no Valle Nevado - Sthe On The Road
    novembro 11, 2015 at 8:03 pm

    […] 1) Já expliquei nesse post aqui porque não acho uma boa esquiar no Valle numa primeira vez, mas pra quem já domina o esporte deve ser muito bom. Se tiver pensando em esquiar, leia tb: guia para as estações de ski […]

  • Reply
    O QUE FAZER EM SANTIAGO: ROTEIRO PERFEITO DE ATÉ UMA SEMANA - Sthe On The Road
    abril 8, 2016 at 7:55 pm

    […] Reserve um dia todo para esse passeio, já que apesar de ser bem próximo, levará em média 1h 30m para cada trecho. Não escolha passeios que param em várias estações. Descubra a que melhor se encaixa ao seu perfil e passe o dia todo nela. Veja minhas experiência no Valle Nevado e em El Colorado, e, se precisar de ajuda, tire aqui suas dúvidas sobre as estações de esqui. […]

  • Reply
    América do Sul: países que não precisam de passaporte - Sthe On The Road
    abril 25, 2017 at 2:13 pm

    […] LEIA TAMBÉM: Como tirar passaporte – passo a passo Roteiro de Viagem Peru (machu picchu e região) Bora conhecer o famoso mar de 7 cores de San Andrés, na Colômbia? Tudo Sobre o Salar de Uyuni |O Deserto de Sal da Bolívia Buenos Aires: um clichê que você não pode perder na Argentina Cataratas do Iguaçu: Lado Brasileiro e/ou Lado Argentino? Guia completo para esquiar no Chile […]

  • Leave a Reply