BRASIL RIO DE JANEIRO RIO DE JANEIRO

Roteiro completão para curtir Santa Teresa, no Rio de Janeiro (passeios, restaurantes e + dicas)

santa teresa rio de janeiro

Santa Teresa é um dos meus bairros favoritos no Rio de Janeiro.

É um lugar único, onde você se sente no Rio antigo, mesmo não tendo vivido essa época (como eu). Os casarões históricos, os famoso bondinho, os restaurantes, botecos e ateliês fazem de Santa Teresa puro charme. O bairro fica na região central, mas no alto de uma serra, o que garante um visual sensacional do Rio de Janeiro.

O que me faz gostar tanto de lá é o astral mesmo, porque me sinto bem, sabe? Já estive no bairro uma série de vezes. Na última vez me hospedei o fim de semana todo. Vim contar porque gosto tanto de Santa e porque você deve visitar esse cantinho do Rio de Janeiro.

LEIA TAMBÉM: 30 dicas do que fazer no Rio de Janeiro (por uma apaixonada pela cidade)
7 Lugares incríveis para tomar café da manhã no Rio de Janeiro

santa teresa bondinho

UM POUQUINHO DA HISTÓRIA DO BAIRRO

O bairro cresceu em torno do convento de Santa Teresa e por isso ganhou esse nome. Foi ocupado por pessoas muito ricas, que construíram casarões inspirados na arquitetura francesa da época, por isso a gente encontra aquelas casas lindas e maravilhosa por lá.

O bondinho veio mais tarde e se tornou o símbolo do bairro. Ele ficou muitos anos sem funcionar em razão de um acidente, mas foi revitalizado e atualmente está funcionando num trecho curtinho, mais como atração turística que do meio de transporte.

Não deixe de seguir o Instagram @stheontheroad para ver
as fotos das minhas viagens em tempo real

o que fazer em santa teresa rio de janeiro

O QUE FAZER EM SANTA TERESA?

O entorno do Largo dos Guimarães é onde se concentram a maior parte dos atrativos. A graça é explorar a pé as ruazinhas do entorno, onde existe um clima nostálgico, lojas de artesanato, bares, rodas de samba e arte de rua.

largo dos guimarães santa teresa

o que fazer em santa teresa

Os ateliês, galerias de arte e estúdios contribuem para o charme do bairro.

BARES E RESTAURANTES

A gastronomia é um dos grandes atrativos de Santa Teresa, onde você pode ir só para petiscar, mas também encontra restaurantes sofisticados para almoço e jantar. A variedade é enorme e a qualidade também, certamente não há como visitar todos num único dia. Então, selecionei alguns dos meus favoritos:

Bar do Mineiro

É um botecão famoso, simples e sempre lotado. Adoro clima boêmio e as paredes revestidas de azulejos antigos. Como mesa é difícil, provavelmente você vai beber em pé na beira da calçada, e vai adorar. O Bar do Mineiro também é famoso por sua feijoada aos sábados.

bar do mineiro santa teresa

Espírito Santa

É um restaurante delicinha, com ambiente simples e cardápio inspirado na Amazônia Se você gosta de peixe, experimente o namorado na folha, recheado com mousse de caranguejo e camarão. Ele vem com arroz com castanhas, pirão e farofa de dendé. Dous deuses!

restaurante espirito santa

O prato não é tão fotogênico quanto saboroso. Estava incrível!

Explorer Bar

O Explorer foi uma grata surpresa. A entrada fica numa rua escondidinha num casarão azul pertinho do Largo dos Guimarães. Ambiente jovem, descolado e com drinks de criação própria. Sentamos no balcão, pois a casa já estava cheia e fomos atendidos com muito carinho.  Tivemos uma excelente experiencia e eu quero muito voltar para comer, porque já tínhamos almoçado quando descobrimos o bar. Apostaria nele como restaurante do momento.

explorer bar santa teresa

Essa é a área interna. A parte mais linda é a varanda.

LEIA TAMBÉM: Onde comer no Rio de Janeiro: 8 restaurantes incríveis

Adega do Pimenta

A adega é super tradicional em Teresa. O restaurante é bem pequeno e fica bastante disputado nos fins de semana. A especialidade da casa são pratos típicos alemães com um toque de culinária brasileira. Você também encontra cervejas especiais.

adega do pimenta em santa teresa rio de janeiro

Aprazível

O lugar é lindo, com uma vista fantástica e comida saborosa, mas a um custo bem salgado. Ideal escolher um dia com tempo bom para desfrutar da vista, porque não é restaurante para ir com pressa.

Bar dos Descasados

É um lounge bem informal, com pegada jovem e música mais animadinha que fica dentro do Hotel Santa Teresa. Apesar do nome, acho que só combinar com casais, porque é muito romântico. Além dos drinks, o cardápio trás petiscos e umas comidinhas. É legal para ir tanto de dia quanto à noite, porque tem uma vista

bar dos descasados santa teresa

BONDE DE SANTA TERESA

Os famosos bondes de Santa Teresa são uma atração da cidade, fazem parte do cenário local e tornaram-se cartão-postal. A estação inicial fica na Rua Lélio Gama, próximo ao metrô Carioca. Se você já estiver em Santa Teresa, pode pegar no Largo dos Guimarães e voltar para o mesmo lugar. A cada 15 ou 20 minutos parte um bonde e ele passa lindamente sobre os arcos da Lapa. O custo do passeio é de R$20, ida e volta, e é vendido no próprio ponto. Acho imperdível!

Curiosidade: como o bonde sempre foi um meio de transporte importante, moradores cadastrados, estudantes da rede pública uniformizados, pessoas acima de 65 anos portando CPF e portadores de vale social não pagam para usar.

bonde de senta teresa

PARQUE DAS RUÍNAS

O Parque das Ruínas é a antiga mansão de Laurinda Santos Lobo, uma das personalidades que moraram em Santa Teresa. Ela era conhecida como a Diva dos Salões, porque dava grandes bailes para a nata carioca. Hoje é um lindo mirante, de onde se tem uma vista belíssima da cidade, e um espaço de lazer que recebe eventos culturais.

parque das ruinas

foto: visit.rio.com

ESCADARIA SELARON

Um dos lugares mais famosos da região central da Cidade Maravilhosa é a Escadaria Selaron. São 215 degraus de mosaicos de azulejos coloridos, de diferentes tamanhos e partes do mundo, que fica entre Santa Teresa e a Lapa. Ela é obra do artista plástico chileno Jorge Selarón, que custeou todo o projeto e vale a visita.

escadaria selaron rio de janeiro

HOTEL EM SANTA TERESA

Santa Teresa tem diversos hotéis, pousadas e hostels. Eu acho um lugar incrível para se hospedar, mas tem prós e contras. É legal para conhecer a região e por ficar muito perto da Lapa. Em contrapartida, o transporte para chegar e sair de lá é muito ruim, portanto dificulta passeios para outras áreas da cidade. Acho que é ideal para quem já foi ao Rio e quer algo diferente numa segunda vez. Selecionei opções de hospedagem com preços variados:

Altos de Santa Teresa Guest House: tem uma vista incrível a preços muito convidativos. Super bem avaliado no Booking, encontrei diárias a partir de R$258.

Mama Shelter: novinho em folha, da rede Accor e com uma proposta descolada de fazer o hóspede de sentir em casa (mesmo). Acho o melhor custo-benefício da região, partindo de R$244.

Hotel Santa Teresa MGallery by Sofitel: um 5 estrelas icônico que já recebeu Amy Winehouse e outros artistas. Verdadeiro refúgio urbano e com uma vista incrível. Nesse outro post conto sobre a minha experiência hospedada no hotel. Vale o investimento!

Hotel Santa Teresa

O maravilhoso Hotel Santa Teresa

Santa Teresa é perigoso?

Muita gente me faz essa pergunta, porque vê notícias sobre a violência no Rio. Como qualquer lugar da cidade, é preciso ter cuidado, pois sempre pode acontecer algum imprevisto (mas eu nunca tive problema em Santa Teresa e normalmente vou de carro). Vamos torcer que essa situação melhore logo e o Rio seja todo mais seguro, pois a gente merece e a cidade também.

santa teresa é perigoso?

UMA SUGESTÃO DE ROTEIRO:

A PÉ: Você pode subir a Escadaria Selarón, caminhar até o parque das Ruínas, almoçar/petiscar em algum restaurante do Largo dos Guimarães e depois passear pelo bairro e comprar lembrancinhas nas lojas de artesanato.

DE BONDE: Você deve pegar o bonde na estação que fica próxima ao metrô da Carioca, subir direto ao Largo dos Guimarães, almoçar/petiscar, passear pelo bairro e comprar lembrancinhas nas lojas de artesanato. Depois, pode o bonde no ponto do Largo dos Guimarãe e descer no ponto de parada Largo do Curvelo (que fica no meio do caminho). Daí é só descer a Escadaria Selarón a pé, que vai  sair na Lapa.

DE CARRO: Você pode ir direto ao Largo dos Guimarães, almoçar/petiscar, passear pelo bairro, comprar lembrancinhas nas lojas de artesanato, andar de bondinho (ou não) e dar um pulo no Mirante Dona Marta, que tem uma das vistas mais espetaculares do Rio, é de graça e a melhor maneira de chegar lá é de carro por Santa Teresa.

 

Espero ter conseguido passar um pouquinho do meu amor pelo bairro para vocês.

 


imagens

RESOLVA SUA VIAGEM AQUI NO BLOG

Pesquise Hotéis no Booking Faça sua cotação aqui Compre o chip e receba em casa Compre ingresso online em até 6x

Fazendo sua reserva através dos links parceiros do blog, eu ganho comissão, continuo  publicando conteúdo gratuito e você não paga a mais por isso!

You Might Also Like

13 Comments

  • Reply
    Jaqueline
    outubro 25, 2018 at 1:59 am

    Ahhh, eu amo demais esse bairro e todo esse roteiro! Acho essencial para quem vista o Rio!! Fora isso, tem como ir caminhando pra vários outros lugares lindos da cidade também! recomendo muitooo

  • Reply
    Tiago
    outubro 25, 2018 at 3:35 pm

    Que legal, vc explorou bem Santa Teresa… várias dicas de lugares legais para comer na minha lista agora rs. Uma dúvida: Vc diz que costuma ir de carro, é fácil estacionar por lá? Alguma dica de lugar para parar o carro?

    • Reply
      Sthefania Memelli
      outubro 29, 2018 at 4:39 pm

      Fácil, facil não é não, mas dá para estacionar nas ruazinhas de cima.

  • Reply
    Leonardo Ribeiro Dantas
    outubro 26, 2018 at 9:51 pm

    Santa Teresa é um charme carioca e você descreveu muito bem, me sinto viajando no tempo quando estou lá. O Bar do Mineiro é o meu preferido dentre os bares da região. Um dia ainda vou me hospedar no McGallery, maravilhoso.

  • Reply
    Erik Diniz
    outubro 27, 2018 at 12:33 am

    Que maravilha ler sobre Santa Tereza! Tenho uma frustração até hoje, pois fui ao bairro, almocei em um dos seus restaurantes (não lembro qual, mas a comida era mesmo muito boa), mas, na hora de começar a passear pra valer, o pessoal que estava comigo ficou com medo, colocou terra e acabei não passeando por todos estes lugares que vc citou no post. Preciso resolver esta frustração quando retornar ao Rio.

  • Reply
    Ígor Augusto
    outubro 27, 2018 at 12:41 pm

    O maior medo do RJ é o perigo. Oh, como eu queria que a situação se normalizasse logo, é uma cidade tão linda!

    Já fui inúmeras vezes no RJ mas não conheço esse bairro! O que mais chama a atenção, sem dúvidas, é a Escadaria Selaron. Tão colorida!

    Ótimo post.

    • Reply
      Sthefania Memelli
      outubro 29, 2018 at 4:40 pm

      Estamos todos na torcida pela melhora da segurança!

  • Reply
    Mari Zoghbi
    outubro 28, 2018 at 3:38 am

    Nossa, mega completo esse roteiro mesmo em!! Eu nem imaginava tanta coisa. Do que colocou eu só conheci a escadaria de Selaron. Preciso voltar para fazer o resto 🙂

  • Reply
    Alexandre Nunes
    outubro 28, 2018 at 7:58 pm

    O Rio é apaixonante mesmo! Quando fui lá não conheci Santa Teresa, fiquei devendo pra próxima visita! Também espero que a segurança melhore por lá! Lamento demais um cidade tão linda ser tão perigosa também. Abraços

  • Reply
    Suzy Freitas
    outubro 28, 2018 at 9:03 pm

    Que delícia de lugar! Estou amando os posts do Rio! Já estive algumas vezes na cidade, mas ainda não conheço Santa Teresa e pela descrição do seu texto, é o tipo de lugar que vou adorar! Louca para voltar ao Rio! 🙂

  • Reply
    Carla Macedo
    outubro 28, 2018 at 10:13 pm

    Que post fantástico! Quando fui pro RJ, não deu tempo de conhecer Santa Teresa, mas com certeza preciso muito conhecer. Adoro locais alegres, com grafites e cheios de barzinhos. Me identifiquei muito com o Explorer Bar. Tô super encantada com o post, quero ir jáaaaaaaa

  • Reply
    Aninha lima
    outubro 29, 2018 at 3:21 am

    Como boa carioca, adoro um sábado em Santa Tereza e achei q vc conseguiu definir maravilhosamente o bairro.
    Estamos mesmo em um momento delicado, mas não Tenho visto nada em especial sobre Santa. Então, aconselho os leitores a visitar!

    • Reply
      Sthefania Memelli
      outubro 29, 2018 at 4:41 pm

      Exatamente Aninha, não vejo mais violência em Santa que no restante do Rio. Povo coloca medo nas pessoas!

    Vamos trocar uma ideia? Comente!

    %d blogueiros gostam disto: