ÁFRICA ÁFRICA DO SUL CAPE TOWN

Passeio para Cape Point, Boulders Beach, Muizemberg e + dicas

Cabo da Boa Esperança

Descubra aqui como visitar as atrações vizinhas à Cape Town. Esse passeio de um dia inteiro fica ao sul da Cidade do Cabo e é bastante procurado pelas suas inúmeras atrações.

No extremo sul está situado Cape Point (Cabo da Boa Esperança). Esse ponto geográfico que foi descoberto pelo navegador português Bartolomeu Dias e serviu como uma importante ligação para o comércio naval entre a Europa e as Índias. Aposto que você lembra disso dos livros de história, certo?

Nessa região também está a Boulders Beach, conhecida como a praia dos pinguins. É nela que moram centenas de pinguins tomando sol, nadando, acasalando, brincando e cuidando dos seus filhotes. É uma experiência única e indescritível ver as aves em seu habitat natural.

Por fim, ainda dá para prolongar a viagem até Muizemberg. A cidade litorânea é gostosa e famosa pela prática do surf, mas a maior atração é fotografar as casinhas coloridas.

Além disso, a própria estrada de acesso, a rodovia Chapman’s Peak Drive, é uma coisa linda. Ela passa pelo litoral e corta as pedras da encosta. São paisagens espetaculares e de tirar o fôlego!

passeio cabo da boa esperança

Um dia entre as atrações

Esse foi um dos melhores passeios que eu fiz na Cidade do Cabo. É possível fazer tudo isso em um dia e aproveitar cada encanto que esses locais têm a oferecer. Para facilitar a sua vida, vamos montar um roteirinho, com algumas dicas para o passeio perfeito.

+ Como montar um roteiro pela África do Sul (mastigadinho)
++ Melhor época para viajar para a África do Sul
+++ O que fazer em Cape Town

Não deixe de seguir o Instagram @stheontheroad para  ver todas as fotos das minhas viagens em tempo real ou procure pela Tag #sthenaAfrica

DICA DE ROTEIRO PARA O CABO DA BOA ESPERANÇA

Você precisa de um com carro alugado para fazer esse passeio. Se ainda não sabe como alugar, eu explico no final do post. Roteiro sugerido:

Cidade do Cabo -> Muizemberg Beach -> Boulders Beach -> Cape of Good Hope -> Cape Point -> Chapman’s Peak Drive -> Cidade do Cabo (como eu fiz)

ou

Cidade do Cabo -> Chapman’s Peak Drive -> Cape of Good Hope -> Cape Point -> Boulders Beach -> Muizemberg Beach -> Cidade do Cabo (roteiro tradicional)

arredores da cidade do cabo

1ª dica: saia cedo para evitar trânsito e multidões nos destinos finais.

2ª dica: Você precisa decidir se vai passar por Muizemberg na ida ou na volta, porque ela está numa rota e a Chapman’s em outra. Qual seja o roteiro que você escolher, para passar pela Chapman’s tem que colocar este nome no mapa, porque senão o GPS te joga por um caminho mais rápido, mas sem graça.

3ª dica: Se você vai fazer o roteiro da Garden Route ou das vinícolas também, deixe este passeio para o último dia. Faça o roteiro tradicional e não volte para Cape Town, já durma pelo início da rota (sugiro Hermanus) ou Stellenbosch.

Mapa com os pontos

Marquei no mapa abaixo todos os pontos que vão ser mencionados. Se você quiser usar meu mapa, basta clicar na estrelinha para favoritar e aparecer no seu Google Maps.

Chapman’s Peak Drive

Saindo de Cape Town, vá em direção a rodovia Chapman’s Peak Drive, passando por Hout Bay para não ter erro. Essa estrada é maravilhosa, então é mais do que recomendado ir cedinho para dirigir enquanto estiver vazio e ir admirando todas as paisagens possíveis. Ou na volta, com o sol se pondo.

São 9 km e mais de 100 curvas com diversos mirantes e há um pedágio no meio da estrada, mas o custo é baixo e a beleza da estrada justifica pagar o valor cobrado. Os valores no início de 2019 eram 45 rands para carros e 30 rands para motos.

A estrada passa por dentro de montanhas no litoral, ou seja, de um lado temos um paredão de pedra e do outro a imensidão do mar. São aproximadamente 20 km de curvas sinuosas com umas das vistas mais bonitas da África do Sul.

Chapmans Peak Drive

4ª dica: ao longo do percurso existem algumas paradas e mirantes para admirar a paisagem.

5ª dica: depois da Chapman’s você tem duas opções: seguir para a Boulders Beach ou direto ao Cabo da Boa Esperança, pois é o ponto mais distante e o que fica mais cheio. Se você procura um almoço especial, sugiro ir na praia dos pinguins primeiro e almoçar em Cape Point.

CABO DA BOA ESPERANÇA

É bom saber que existem dois pontos turísticos no sul da península: o Cabo da Boa Esperança em si e Cape Point (forte localizado no alto de uma cadeia montanhosa).

Ambos estão dentro do Table Mountain National Park, onde a entrada é cobrada por pessoa. Em maio de 2019 os valores de entrada do parque são: adulto 303 Rands e criança 152 Rands.

O Cabo da Boa Esperança é basicamente uma placa, mas bem bacana para tirar uma foto. As vezes forma uma fila, porém anda rapidinho.

6ª dica: poucas pessoas sabem, mas tem uma trilha que dá acesso às montanhas do local. A trilha está logo atrás dessa placa de identificação do marco, e começa com uma escada de pedras bem escondida na rocha (não fiz).

cabo da boa esperança africa

CAPE POINT

O Cape Point conta com uma estrutura mais completa, desde banheiro, até restaurantes e lojas. O restaurante que tem lá foi um dos melhores que que visitei na África e não tinha preço abusivo por estar em local turístico. Se você for na hora do almoço e gostar de frutos do mar, não deixe de pedir a tábua de mariscos!

Two Oceans Restaurant
Two Oceans Restaurant

Mas a atração principal do local é visitar o antigo forte no alto das rochas. Existem dois meios para subir no forte: caminhando por uma escadaria e com uma bela vista, ou através de um funicular que é cobrado um preço para subir e descer (maio de 2019: 80 rands (ida e volta).

Estando no forte, é possível ter uma vista panorâmica do mar incrível, e em determinadas épocas do ano, dá até para ver algumas baleias. Gaste um tempinho andando entre as ruínas.

cape point africa do sul

SEGURO VIAGEM COM 10% DE DESCONTO 
Nunca viaje sem seguro! Aqui no blog recomendamos a SEGUROSPROMO, melhor comparadora de seguros do mercado. Comprando aqui você ganha 5% de desconto usando o cupom STHEONTHEROAD05 + 5% pagando no boleto.

Cape Point

7ª dica: no alto do forte, os ventos são bem intensos, então não esqueça de se agasalhar bem se a temperatura estiver baixa.

8ª dica: cuidado com os babuínos presentes no parque, porque eles são meio raivosos e muito rápidos. Não deixe alimentos à vista e tranque o carro.

BOULDERS BEACH

A Boulders Beach é conhecida por ser a praia dos pinguins. E é a coisa mais fofa desse mundo! Chegando em Simon’s Town, procure o estacionamento da praia e vá a portaria principal. Lá você consegue buscar as informações dos trajetos existentes.

Desde o início do percurso da trilha é possível ver alguns ninhos, mas o ponto alto chegar ao deck projetado por cima da areia, onde avistamos aquela cena digna de documentários da televisão: milhares de pinguis!

boulders beach africa

Depois de passar um tempo ali, volte para a portaria para fazer outro trajeto. Pouca gente sabe, mas há uma segunda entrada um pouco depois da primeira portaria, que dá numa praia bem mais vazia. Você utiliza o mesmo ingresso de acesso. É muito legal, porque nessa praia você pode pisar na areia e dar a sorte de encontrar pinguins bem de perto. Eu sei que dá vontade, mas não encoste neles, combinado?

Boulders Beach
praia dos pinguins africa

SIMONS TOWN

Se você optou por visitar Cape Point pela manhã, vai chegar na hora do almoço aqui. Então aproveite para almoçar em Simon’s Town!

O The Lighthouse Café é uma boa opção, por ser um restaurante requintado e aconchegante, porém com preços interessantes. Mas existem outras opções de restaurantes com diferentes estilos nas proximidades, só dar uma voltinha. Além disso, há uns cafés bem bonitinhos na cidade.

No mais, Simons Town é uma pequena cidade, a passagem por lá é rápida.

Após o almoço, normalmente as pessoas retornam para Cape Town, mas recomendo dar uma passadinha em Muizemberg, uma cidade litorânea localizada mais ao norte da Península do Cabo.

MUIZEMBERG

A visita em Muizemberg é bem direcionada para a Muizemberg Beach. A praia é famosa por ter algumas cabanas bem coloridas na areia que são o cartão postal da cidade.

Além disso, a praia fica bem cheia, pois a água é um pouco menos congelante do que o mar de Cape Town. É um ótimo point para os surfistas da região, já que é possível alugar pranchas e fazer aulas de surf.

Outro “atrativo” da praia é que é comum aparecerem tubarões no mar, mesmo tendo bastante banhistas e surfistas. Há uma supervisão constante para avisar aos banhistas caso algum tubarão esteja se aproximando, mas eu jamais entraria nunca nessa água!

muizenberg cape town

Como alugar carro na África do Sul

É essencial alugar um carro para fazer esse passeio, pois com o veículo próprio você tem a experiência completa e pode fazer o roteiro no seu ritmo e ir descobrindo cada cantinho da rota.

Para alugar carro na África do Sul não precisa de PID (Permissão Internacional para Dirigir), mas você pode tirar se preferir. Além disso, eu sempre uso e recomendo a RentalCars, porque costuma ter os melhores preços. Porém, a cobrança deles é à vista e em dólar. Se você quiser pagar parcelado e em real, pode reservar pela Rent Cars, que é brasileira e não cobra IOF!

cape point

Não se esqueça que a direção na África é invertida, ou seja, o volante fica na parte direita do carro. Isso assusta muitos viajantes que têm medo de dirigir na mão inglesa, mas não tem mistério, é só alugar carro automático. Logo logo você acostuma e passa a ser até divertido.

Leia mais sobre a África


 RESOLVA SUA VIAGEM AQUI NO BLOG

Pesquise Hotéis no Booking Seguro Viagem com menor preço 

Saia do Brasil com Chip 4G Cotação de carro na RentCars  

You Might Also Like

No Comments

Vamos trocar uma ideia? Comente!