ÁFRICA ÁFRICA DO SUL JOANESBURGO

O que fazer em Joanesburgo: dicas valiosas para quem só tem 1 ou 2 dias

o que fazer em joanesburgo

A África do Sul é tão incrível e cheia de atrações, como safáris, praias e vinícolas, que fica um pouco difícil dedicar muito tempo à Joanesburgo.

Isso não significa que a cidade não seja interessante, muito pelo contrário, mas também não dá para negar que ela perde um pouquinho comparada às outras beldades sul-africanas. Por isso é que quase todo mundo acaba tendo pouco tempo para conhecer o que Joburg tem de melhor.

Como o aeroporto de chagada/saída na África costuma ser JNB, sugiro que você fique pelo menos um dia inteiro (durma uma noite também), porque Joanesburgo é uma cidade importantíssima para conhecer a história da África do Sul. É bom entender um pouquinho sobre as pessoas que moram lá, o que foi o apartheid e o Mandela, sabe? Vou contar o que eu fiz para aproveitar o meu tempo precioso:

+ Melhor época para viajar para a África do Sul
++ Como montar um roteiro para a África do Sul (mastigadinho)

O QUE FAZER EM JOANESBURGO

Não dá para fazer todas essas atrações em um único dia, mas é melhor saber tudo que a cidade tem, para depois decidir o que combina mais com o seu perfil:

Apartheid Museum

O programa que não pode faltar. É o museu que conta o que foi o Apartheid e toda a influência de Nelson Mandela no país e no mundo. Logo de cara você sente o impacto, pois existem duas entradas, uma para brancos e outras para “não brancos”. É a representação mais literal de como funcionava do Apartheid, já que eu estava com meu noivo e cada um teve de entrar por um lado. A gente se viu pela grade e, nossa… pesado.

Foi um tapa na cara ver como a segregação funcionava naquela época. Eu fiquei muito sentida com o que vi, mas é importante para materializar o que foi o Apartheid, porque uma coisa é alguém te contar e outra é você ver. O mais legal é que o museu é bem dinâmico, não tem nada de chato |
Northern Park Way and Gold Reef Rd, Johannesburg, 2001, África do Sul

o que fazer em joanesburgo museu

Não deixe de seguir o Instagram @stheontheroad para ver as as fotos das minhas viagens em tempo real ou procure pela Tag #sthenaAfrica

Nelson Mandela Square

É uma parte muito gostosinha da cidade. Tem uma praça com uma estátua gigante do Nelson Mandela cheia de cafés, lojas, barzinhos e restaurantes em volta (foto de capa).

Do lado fica um shopping bem grande, onde vale a pena passar em alguma farmácia da rede Clicks, porque lembra muito as redes americanas e tem vários produtos incríveis e suplementos baratos.

Jantei no Cilantros, um restaurante moderninho localizado de frente pra praça. A tábua de tapas estava bem legal e o ambiente de happy hour uma delícia. Recomendo!

o que fazer em joanesburgo 1 dia

Maboneng

É o bairro revitalizado da cidade, que virou o descoladão. É bem artístico, sabe? Se você já foi a Miami ou Nova York, vai relacionar na hora com Wynwood ou o Meatpacking District. Vale o passeiopara quem quer andar sem muito compromisso| 276 Fox St, City and Suburban, Johannesburg, 2094, África do Sul

SEGURO VIAGEM COM 10% DE DESCONTO 
Nunca viaje sem seguro! Aqui no blog recomendamos a SEGUROSPROMO, melhor comparadora de seguros do mercado. Comprando aqui você ganha 5% de desconto usando o cupom STHEONTHEROAD05 + 5% pagando no boleto.

Neighborgoods Market

Neigbourgoods Market é uma feira que só acontece aos sábados em Joanesburgo, das 9:00 às 15:00. A feira é repleta de lojinhas, drinks e comidinhas, tudo ao somd e um dj ou banda ao vivo. Este evento é o mesmo que eu recomendei em Cape Town no The Old Biscuit Mill. 

The Neighborhoods Market: 73 Juta Street, Braamfontein, 2000, Johanesburgo. Horário de Funcionamento: Apenas aos Sábados, das 9:00 às 15:00.

o que fazer em joanesburgo

Soweto

É o bairro para onde as pessoas não brancas tiveram que se mudar quando foram segregadas. Digo não brancas porque não era apenas as negras, mas as asiáticas e coloridas em geral. Soweto foi palco de grandes acontecimentos, como campanhas políticas e manifestações contra o Apertheid. É lá que está a casa do Mandela e eu gostaria de ter ido. Dizem que vale a pena o tour guiado.

Imagem de Albert Dezetter por Pixabay

Casa do Mandela

É hoje um museu e foi onde o primeiro presidente negro da África viver até ser preso. Bacana, mas só recomendo a visita para quem já pretende ir a Soweto.

Constituion Hill

É a sede do Tribunal Constitucional da África do Sul e está localizada em Braamfontein, Joanesburgo. No local já estiveram presos Nelson Mandela e Mhatma Gandhi.

joanesburgo africa do sul
Imagem de Belinda Cave por Pixabay

Hotel em Joanesuburgo

hotel em joanesburgo no bairro de Sandton

Com pouco tempo, não dá para se dar ao luxo de perder tempo com deslocamento. Eu optei por ficar no Signature Lux, em Sandton. Ótima escolha: um hotel barato, colado na Nelson Mandela Square e novinho.

O que fazer em Joanesburgo em 1 dia?

Cheguei à noite na cidade, vindo do Kruger Park. Aproveitei que estava próximo para jantar na Mandela Square, pois tem vários restaurantes e bares bem legais. No outro dia fui no Museu do Apartheid pela manhã. Além disso, era sábado, então pude curtir a feirinha Neighborgoods, que tem tudo a ver com meu perfil de viagem. Achei que ia dar tempo de passear em Maboneg, mas não rolou, porque eu estiquei na feirinha e meu voo era 19h.

Se eu tivesse outro dia iria conhecer Soweto e Maboneg. Independente do que você escolher fazer, eu sugiro a visita ao Museu do Apartheid!

o que fazer em joanesburgo
Imagem de Sharon Ang por Pixabay

De lá pra onde

Você pode seguir viagem para um safári no Kruger Park ou em alguma reserva privada. Além disso, pode voar para Cape Town, uma cidade de praia lindíssima e cheia de vinícolas. Ou ainda voar para Port Elizabeth, para começar seu roteiro de carro pela costa da Garden Route. Tudo depende de quantos dias no país e qual seu roteiro (confira meus outros posts).

Dicas úteis:

  • Joanesburgo conta com um trem rápido chamado Gautrain que liga Sandton ao Aeroporto.
  • Sem carro, a melhor forma de se locomover na cidade é com Uber .
  • A cidade também conta com CitySightSeeing, aqueles ônibus tipo hop on – hop off, ou seja, você pode subir e descer em todos os pontos e ficar quanto tempo quiser em cada lugar!
  • Você vai precisar de internet no celular para facilitar a locomoção. Adquira o chip da ChipdeViagem ou da EasySim4u, nossos parceiros com desconto, e já saia do Brasil com internet ilimitada. Ou compre um chip local assim que chegar na cidade!
  • Documentos: Apenas seu passaporte (se você ainda não tem, confira nosso passo a passo para tirar passaporte) e comprovante internacional de vacina de febre amarela.
  • Câmbio e moeda: Cerca de 13.600 Rands para o dólar (nov/18). Não acho que valha a pena levar Real, porque a conversão é mais baixa, mas se tiver Euro em casa é ótima opção. Cartões de crédito são amplamente aceitos na África do Sul, mas lembre-se que será cobrado IOF.
  • Fuso horário: o fuso pode variar de 3 a 4 horas de diferença em relação ao horário de Brasília, dependendo da época do ano, por conta do horário de verão.

Leia mais sobre a África do Sul

 RESOLVA SUA VIAGEM AQUI NO BLOG

Pesquise Hotéis no Booking Seguro Viagem com menor preço 

Saia do Brasil com Chip 4G Cotação de carro na RentCars  

You Might Also Like

4 Comments

  • Reply
    Neto
    maio 21, 2019 at 4:21 pm

    Obrigado pelas dicas, principalmente a da feirinha e a da Mandela Square … Iria passar em branco em minha viagem!!

  • Reply
    Garden Route: guia infalível pela costa da África do Sul
    maio 27, 2019 at 8:00 pm

    […] O que fazer em Joanesburgo em 1 ou 2 dias […]

  • Reply
    África do Sul: como planejar sua viagem (roteiro mastigadinho)
    junho 6, 2019 at 8:42 pm

    […] Johanesburgo […]

  • Reply
    Lodge no Kruger Park: 10 hotéis para safári (barato ao luxo)
    outubro 1, 2019 at 5:40 pm

    […] O que fazer em Joanesburgo em 1 ou 2 dias […]

  • Vamos trocar uma ideia? Comente!

    %d blogueiros gostam disto: